VIGIA VARAO

VIGIA VARAO
Bem Vindo!

Indicação do vereador Paiva a vice prefeito é oficializada





Volta Redonda

Não deu outra: conforme já era esperado, o indicado a vice do PT é o vereador Carlos Roberto Paiva. Durante assembleia interna, realizada no dia 20 de Maio, na Câmara Municipal, 112 delegados do partido oficializaram o nome do parlamentar como o que será apresentado ao PMDB, para formar a majoritária ao lado do pré-candidato à reeleição, prefeito Antônio Francisco Neto (PMDB).

Em sua saudação inicial, ainda antes de ser aclamado como o escolhido do encontro, Paiva se demonstrou emocionado.

- É muito bom ver essa Casa colorida, puxada num tom avermelhado. Maior ainda é o orgulho de fazer parte do PT, um partido que preza tanto pela democracia. Quem quiser construir um caminho coletivo, deve participar dessa sigla, que não tem dono. Aliás, tem sim: todos nós - declarou o vereador.

Na ausência do presidente municipal da sigla, Dejair Martins, o evento foi conduzido pelo secretário geral do diretório, Vagner Siqueira. Além da formalização do vereador como pré-candidato a vice do PT, outras questões foram deliberadas, como composição da chapa de vereadores, diretrizes do plano de governo e da atuação legislativa, e coligação na proporcional com o PMDB.

A união com peemedebistas também na chapa de vereadores foi colocada em xeque quando Paiva levantou o assunto.

- A qualidade da nossa nominata é indiscutível. Embora tenhamos optado pela formação de uma chapa puro sangue, o PMDB apresentou a proposta de coligação na proporcional. Durante reunião, quinta-feira passada, com nossos pré-candidatos ao Legislativo, todos foram contrários à hipótese - falou o parlamentar.

E o resultado se repetiu durante o evento de ontem: por unanimidade, os delegados "bateram o martelo", sacramentando que a legenda petista caminhará sozinha na disputa por cadeiras da Câmara.

‘A aliança PT-PMDB enfraquece a terceira via', avalia Paiva

O momento mais esperado do dia, ou seja, a oficialização de Paiva como pré-candidato a vice, aconteceu nos minutos finais da assembleia. Depois de a decisão ser tomada pelos delegados em clima de festa, com direito à unanimidade, o vereador foi ovacionado pelo plenário. No primeiro posicionamento oficial como indicado para formar a "dobradinha" com Neto, o vereador declarou:

- Estou muito feliz. O próximo passo, agora, é o entendimento com o PMDB e demais siglas que compõem a aliança. Precisamos trabalhar no fortalecimento do grupo.

Questionado se a postura de não aceitar a coligação na proporcional pode atrapalhar as negociações, Paiva respondeu que não.

- É lógico que o PMDB queria que a proposta tivesse sido aprovada, porém, a hipótese foi colocada muito tarde. Desde o início, o PT trabalhava com a ideia de formar uma chapa puro sangue. Caso tivessem falado antes, poderíamos tentar costurar internamente as chances de o projeto se concretizar - esclareceu.

O parlamentar comentou, ainda, que a parceria entre petistas e peemedebistas está balançando os opositores do atual governo, intitulados "terceira via".

- Da forma como o nosso processo está sendo conduzido, o PT enfraqueceu a estratégia dos adversários, ao passo em que a pré-candidatura do Neto ficou fortalecida - falou.

Por fim, Paiva falou sobre qual tem sido a reação dos demais aliados quanto à possibilidade de ele ser o vice da majoritária.

- Isso quem pode dizer melhor é o PMDB, pois o partido é que está nos inserindo nesse diálogo. Quanto à aceitação do prefeito à indicação, tem sido muito boa, de modo que as negociações seguem tranquilamente - arrematou.

Fonte: Jornal Diário do Vale

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.